ainda sobre Scarborough Fair...


Na idade média, as pessoas não costumavam dar créditos para músicas ou outras obras de arte, de modo que o escritor de Scarborough Fair é desconhecido. 

A canção foi entoada por bardos (ou shapers, como eram conhecidos na Inglaterra medieval) que a levavam de cidade em cidade da forma que cada um ouvia... por isso as letras e arranjos mudaram. Hoje existem muitas versões de Scarborough Fair.





No segundo verso de cada estrofe se repetem essas palavras que nessa ordem têm um significado especial: Salsa, sálvia, alecrim e tomilho. É provável que seja uma alusão ao compromisso do cantor com sua amada. 

Há ainda outra interpretação para estes versos:

Parsley (Salsa): Eu quero que você seja a mãe dos meus filhos.
Sage (Salvia): Sou fiel.
Rosemary (Alecrim): Pense em mim.
Thyme (Tomilho): Eu sou seu.

Alguns significados e interpretações para as ervas (Antes e Hoje):

Salsa (Petroselinum crispum)
Salsa ainda hoje é prescrito por fitoterapeutas para pessoas que sofrem de má digestão. Comer uma folha de salsa durante uma refeição faz com que a digestão de verduras, como espinafre que é pesado, se torne muito mais fácil. Dizem que era para tirar o amargor e os médicos medievais levavam isso em um sentido espiritual também. A Salsa é uma das mais antigas ervas utilizada como tempero. Do latim salsa herba, de salsus, “salgado”. Por extensão, também “o que dá gosto à comida. A palavra Salsa em espanhol significa molho, uma palavra hispânica para sauce, mas salsada quer dizer amalgamada, misturada. A própria dança "Salsa" tem esse nome devido a uma mistura de ritmos.

Sage (Salvia officinalis)
Sálvia foi conhecida por simbolizar a fidelidade. Muito utilizada na Idade Média.

Rosemary (Rosmarinus officinalis)
Antigos amantes gregos usavam dar alecrim às suas senhoras e o costume de uma noiva usar galhos de alecrim em seu cabelo ainda é praticado na Inglaterra e em vários outros países europeus hoje. A erva também é sinônimo de sensibilidade e prudência. Antigos médicos romanos recomendavam colocar um pequeno saco de folhas de alecrim debaixo do travesseiro de alguém que teve que realizar uma tarefa mental difícil, tal como um exame.

Tomilho (Thymus vulgaris)
Thyme é mencionado aqui porque ele simboliza a coragem. Na idade Média, os cavaleiros usavam imagens de tomilho em seus escudos quando eles saíam para o combate. Suas mulheres bordavam neles como um símbolo de sua coragem.

As ervas salsa, sálvia, alecrim e tomilho, retornando na segunda linha de cada estrofe, dão um sentido chave para a música. Embora sem sentido para a maioria das pessoas hoje em dia, estas ervas falavam com a imaginação das pessoas na era medieval, tanto quanto rosas vermelhas falam para nós hoje. Elas simbolizam as virtudes do trovador, desejos de seu verdadeiro amor e se o têm, a fim de torná-lo possível para ele voltar.

Então, como em toda a canção medieval, na celta, a letra é riquíssima de informações não só poéticas mas um significado de uma época. 

Cada canção, uma vivência! 

Aguardem a próxima postagem!!

0 comentários:

Postar um comentário